História

Há quem diga que as pizzas foram inventadas há mais de seis mil anos, pelos egípcios. Outros creem que foram os gregos responsáveis por essa façanha. Fato é que a receita apareceu no sul da Itália, a partir do século XVI, originalmente preparada com molho de tomate e orégano, dobrada como sanduíche para o consumo.

A primeira versão da massa redonda, como conhecida hoje, foi criada em 1889, por Rafaelle Esposito. Ela foi feita especialmente para a rainha Margherita, enfeitada com as cores da bandeira italiana: branco (queijo), verde (manjericão) e vermelho (tomate).

Bom, daí vocês já podem imaginar de onde veio a famosa pizza sabor margherita né? E aí começam os séculos de sucesso e novos sabores adaptados por cada país.

No Brasil mesmo, quem não ama uma boa pizza em um domingo chuvoso na frente de TV? A pizza é comida em todas as ocasiões e muitos adoram levar pra casa só para comê-la gelada na manhã seguinte.

Vejam algumas curiosidades sobre esse prato, queridinho no mundo inteiro:

• Seja ela doce ou salgada, quente ou fria, é fato que o Brasil é um dos maiores consumidores dessa delícia. São cerca de 1,7 milhões de pizzas por dia.

• Você sabia que o Brasil é o único país que coloca chocolate na pizza? A criatividade brasileira já transformou a massa em sobremesas deliciosas.

• Os EUA é o campeão em consumo de pizza no mundo! A paixão nacional dos americanos é tradição em várias datas como partidas do super bowl, noite de ano novo, halloween e véspera de feriados.

• O recorde mundial de comer pizza é do romeno Cristian Dumitru. Durante uma semana, ele comeu o seu próprio peso em pizzas: 90,7 kg.

• No Alasca, há um serviço de entrega de pizza que entrega por avião. Até lá ela chega, viu? #pizzasemfronteiras

• A pizza mais cara vendida comercialmente dos Estados Unidos fica em Nova York. Nela tem quatro tipos de caviar, lagosta fresca, salmão e wasabi. O valor? U$ 1.000.

• Em maio de 2016, mais de 250 pizzaiolos se reuniram na orla de Napóles, na Itália, para tentar bater o recorde mundial de maior pizza do mundo. Durante 6 horas e 11 minutos, com 2 mil kg de farinha, 1600 kg de tomate, 2 mil kg de mussarela, 200 litros de óleo e 30 kg de manjericão, os napolitanos criaram a pizza mais longa do mundo. Imagina o tanto de gente para comer isso tudo, hein?

• Os australianos podem até estar do outro lado do mundo, mas também amam pizza. Na terra do canguru, o gosto é inovador com combinações curiosas e exóticas. Abacaxi, frango e curry são sabores bem populares por lá.

• Uma pizza com uma fatia faltando serviu de inspiração para Tohru Iwatami, designer de jogos da Namco, do Japão, em 1980. Nascia assim um personagem clássico dos games, o Pac-Man.

• Duas a cada três pizzas na Itália usam uma mistura de ingredientes importados em sua pizza: 100% italiana que nada! Por que não aproveitar o que tem de melhor no mundo, mesmo que não seja do seu país? Da mussarela da Lituânia ao molho concentrado chinês, do azeite de oliva da Tunísia ao trigo canadense.

Sejam gregos, egípcios ou italianos que a inventaram, a pizza é universal e disso não restam dúvidas! Cada país dá seu toque e coloca sua cultura no recheio, variando até a massa.

Como você dá a sua cara à pizza?

A primeira versão da massa redonda, como conhecida hoje, foi criada em 1889, por Rafaelle Esposito. Ela foi feita especialmente para a rainha Margherita, enfeitada com as cores da bandeira italiana: branco (queijo), verde (manjericão) e vermelho (tomate).